domingo, 15 de abril de 2018

Novas Políticas de Publicações



Por Davi Paiva


Tudo começou com a vontade do meu primo, Alexandre Lopes, de ter um blog.

E a sua primeira postagem foi uma avaliação do filme “O Hobbit – A Desolação de Smaug”.

Eu, saindo de um blog no qual eu contribuía, vim para cá com um dos artigos mais lidos até hoje: a minha avaliação sobre o seriado “Spartacus”.

De lá para cá, fizemos de tudo: avaliações de filmes e séries, resenhas de livros, entrevistas com autores, quadros enaltecendo super-heróis, explicações, top 10, etc.

É claro que nem tudo foram flores: tivemos períodos de hiatos e demos algumas caneladas com informações erradas ou quadros de pouco sucesso em nossa página de Facebook. Seja como for, procuramos sempre planejar, rever nossos planos e continuar com o blog que tanto gostamos.

Este ano, dediquei muitos esforços ao blog e fiquei feliz com os resultados: publiquei muita coisa que estava pendente, escrevi muito material recente e tivemos um grande aumento de seguidores nas redes sociais.

E justamente para fazer por merecer tanta atenção e conseguir ainda mais leitores, decidimos rever os nossos quadros e definir as nossas metas. Como esse blog é mantido sem apoio financeiro e sem parcerias com redes de cinema ou livrarias, temos essa vantagem de não termos o rabo preso com ninguém. Daí é mais fácil ponderar decisões.

Portanto, o que teremos de agora em diante serão os seguintes quadros:

• Resenhas de filmes: carro chefe do blog. Sempre com spoilers justamente para os leitores terem com quem interagir depois de verem o filme e publicadas com, no mínimo, três semanas depois do lançamento;

• Resenha de séries: poderão entrar com mais frequência, seja de séries atuais ou das já encerradas, como um artigo nostálgico ou uma homenagem, tal qual alguns produtores de conteúdo também fazem;

• Resenha de livros: estou pegando o hábito de fazer a maioria em minha página de escritor no Facebook. No entanto, se for algo que eu ache que pode ajudar pessoas (como saber a ordem de leitura dos livros do Sherlock Holmes, por exemplo) ou for uma entrevista com algum autor, posto;

• Resenha de jogos: eu, particularmente, jogo pouco. E quando o faço, é no celular. Logo, farei poucas resenhas. Se tiverem mais, serão feitas pelo meu primo ou por outros colaboradores;

• Top 10: poderão ser feitos com total gosto pessoal ou opiniões de amigos. Jamais serão verdades absolutas e sempre serão bem literais (a lista de espadas, por exemplo, foi só com livros. Mas houve quem insistia em dizer que ela precisava incluir espadas de mangás, filmes e desenhos...). Não vou perder tempo me explicando para ninguém. Grupos como Jovem Nerd, Pastel Nerd e Zoneando fazem suas listas e não precisam dar satisfações. Logo, também farei o mesmo;


O cara vai ao meu perfil pessoal e posta uma piada procurando fazer trocadilho com o título do artigo... sendo que ele já fez a mesma piada antes quando eu divulguei o artigo em um grupo literário! Depois reclama que quadrinhos também são literatura quando há, no corpo do texto, que o artigo só foi construído com espadas mencionadas em LIVROS! É de cair o cu da bunda...


• Editais de antologias: continuarão a ser publicados aqui;

Arquivos para Escritores: tenho a meta de atualiza-lo uma vez por semestre, incluindo ou excluindo materiais;

• Detonerds Explica: qualquer artigo com fins explicativos (tipos de magos, o que é um monstro, e se super-heróis existissem no nosso mundo, etc.) virão com tal título;

• "Por que vale a pena gostar de...": deverá ser retomado;

• Novos quadros: poderão surgir. O Detonerds teve um começo simples, foi crescendo, ficou parado, voltou com carga total e vem ganhando cada vez mais seguidores. E tudo que fazemos é porque temos com quem compartilhar.

É isso.

Espero que tenham gostado do que temos em mente e continuem nos acompanhando.

Este artigo será mencionado mais vezes. Se você chegou até aqui por um hiperlink, agradecemos a sua leitura e a compreensão em nossas decisões.

Obrigado a todos(as).